PREVISÃO DO TEMPO

PUBLICIDADE

PROJETO DE LEI - DIA DA COMUNICAÇÃO POPULAR

PARTICIPE DESTA CONQUISTA

PROJETO DE LEI - DIA DA COMUNICAÇÃO POPULAR Destinatário: CÂMARA MUNICIPAL DO RECIFE O Projeto Fé e Cidadania traz ao Vereador Iv...

Crentes no poder, e aí?

Os políticos evangélicos aceitaram continuar como coadjuvantes na política nacional? Não cabe a um historiador ficar prevendo o futuro, mas alguns rastros contemporâneos nos permite tentar fazer algumas análises.

Primeiro, já se colocam como uma força extremamente forte em nossa nação,  porém, nem sempre conseguem centralizar seus objetivos em um nome; não são um único povo, mas uma nação heterogênea em doutrina, usos, costumes e posicionamento político, apesar que em Brasília, seu discurso se alinhar com uma pauta tradicional e conservadora. Assim, as diferenças e falta de união fora de Brasília enfraquece as pretensões políticas para 2018.

Segundo, vários partidos querem um nome evangélico forte em suas chapas, são por tradição, grandes puxadores de votos irracionais, o que chamo de voto de fé. Pernambuco é exemplo desta capacidade de captação de votos e controle do rebanho para votar em seus pastores, e são poucas as ovelhas rebeldes. Pastor Eurico, os Ferreiras e os Colins continuarão carregando os seus rebanhos as urnas, e por certo, continuaram tendo eleições expressivas. 

Terceiro, teria a Bancada Evangélica capacidade e organização política de centralizar em uma chapa para eleições majoritárias? Quais seriam os nomes? Quais igrejas estariam na liderança? Recentemente, o deputado Marco Feliciano, mais uma vez, nos deu o exemplo de como seria drástico e dramático para o Brasil ter uma liderança evangélica; em uma publicação, comentando sobre a agressão sofrida por uma professora, ele justificou a situação como um ato de colheita, “quem planta vento, colhe tempestade”, assim falou ele. A professora fazer comentários esquerdistas em suas redes sociais, faria dela merecedora de agressão?

Desde já, deixo claro que não me refiro ao povo evangélico, mas a casta que lidera o povo evangélico, que os seduzem nos domingos com palavras doces e que são verdadeiros sepulcros caiados. 

Bruno Oliveira - Blog Ponto de vista

Dataface: Rejeição ao governador

Enquanto existir pesquisa oficial dos grandes institutos de pesquisa e opinião, há sempre os questionamentos da veracidade dos dados. Para suprir essa necessidade de confiança do público, estão ai as redes sociais. O comunicador Adriano souza, do município de Arcoverde, lançou em seu perfil no facebook uma enquete sobre o futuro político do atual governador do Estado, Paulo Câmara. Tentamos apurar quando foi lançado o levantamento das ideias. Mas, o que vale é a credibilidade do Dataface ou Datainsta.
Segundo a publicação, apenas 1 voto a favor e 312 contra. Para "asseverar" esses números, selecionamos alguns comentários na postagem do resultado.

Michael Chell Do Acordeon: Kkk quem é Paulo faz nada Câmara mesmo?
A... é o come e dorme que se diz ser governador desse estado jogado as traças, a bandidagem as drogas e etc...
Lamentável um estado tão rico tão bom considero até melhor do nordeste esta entregue nas mãos de um incompetente como esse.

Fátima Souza: É mesmo meu amigo Pernambuco tão bonito e tão rico como vc disse esse governado e um vagabundo pior governador que Pernambuco já teve em toda sua história acabe a nois pernambucano da á resposta a essa patota de ladrões.

Fátima Souza: Eu não votei nele porque antes das eleições eu vim o vídeo onde ele dizia a senhora do engenho que não ia saber governa Pernambuco foi dito e feito Pernambuco tem governado mais não é governando.

Damiana Lopes: Esse aí não sabe administrar nem a cada dele imagina um Estado do porte de Pernambuco. Canalhas. Ele é sua cambada.

Adriano Siqueira Sci:  😂😂😂😂😂 pq será que ele vota nesse camarada 🤔 governador mais rejeitado não tem mais vamos ver no dia da eleição pq 99% dos Brasileiros tem preço , basta saber qual o valor !

*As opiniões reproduzidas não sofreram correção ortográfica.

Caiu na rede

Opiniões de interesse público

"Qual é o sentimento que surge dentro de você quando fica sabendo que crianças indefesas passaram por situações tristes de violência sexual? Você saberia identificar que uma criança está sofrendo violência sexual?
Imagine o quanto essas crianças estão marcadas por essa injustiça. Existem sinais simples que podem identificar que uma criança está sofrendo essa atrocidade.
Ester, de 9 anos desenhou a posição que era obrigada a ficar durante os momentos de abusos feitos pelo pai.
Como Conselheiro Tutelar, aplicamos a medida protetiva a Criança que fará acompanhamento psicológico e o abusador já está preso pagando pelo o que fez!!"

OZÉIAS PAULO - conselheiro tutelar

"Na sexta-feira (15/09), Pernambuco recebeu o Mutirão da migração com a presença do Ministro da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações:Gilberto Kassab. Na ocasião radiodifusores do interior e capital assinaram o protocolo pelo qual se predispõem a seguirem os ritos  do processo para que suas emissoras em AM possam  fazer a Migração para FM.

Algumas emissoras, querendo escapar dos custos da migração ou não querendo perder a abrangência de cobertura das emissoras em AM,  anteciparam a migração, utilizando seus canais já existentes em FM para retransmitir suas programações em AM e vice versa como nos casos da Jornal AM 780 em 90,3 MHz e Universitária AM 820 FM 99,9, além da Novas de Paz em trê prefixos 101.7, 91.3 FM e 1380 AM."

do Papo de rádio

"O Profissional Editor de Imagens ganha tão pouco, em relação ao trabalho realizado em algumas emissoras e produtoras de vídeo, que às vezes, chega a parecer uma verdadeira piada. Enquanto os patrões faturam alto com as belíssimas matérias editadas por tais profissionais, os mesmos tem que se conformarem com o que ganham, infelizmente.
Falo isso com convicção, pois sou Editor de Imagens em Vídeo e Fotografia e já dei muito lucro pra alguns folgados de plantão !!!
Sem os Profissionais Editores de Imagens e Cinegrafistas, as matérias e produções não vão pro Ar..."

FLÁVIO MARCONE - cinegrafista

Mais um evento especial

O feecidadaniape vai acompanhar mais uma vez o aniversário do Programa Momento de recordações com Marcelo Silva:

Casa Amarela News


>>> Buraco no Largo João Pessoa, em Casa amarela é foco da TV Garimpando. Veja a matéria:



>>> Paulo Xavier, gestor do Projeto Fé e Cidadania deixa mensagem para comemoração dos 15 anos de fundação:

"Amanhã, 07 de setembro, o #FeECidadania chega aos seus 15 anos de fundação.

Neste período, lutas, tristezas, conquistas e vitórias. Na força da internet, chegamos longe com a proposta inicial de mostrar Casa Amarela pra ela mesma. E agora somos vistos pelo mundo com imagem, som e as plataformas disponíveis.

Agradecemos cada pessoa que colabora com esta iniciativa, que anuncia a FÉ e resgata a CIDADANIA. Chegue junto e vamos em frente.

Continuaremos neste propósito na direção de Deus."

#3Notícias

>>> A última segunda-feira, 11 de setembro, tornou-se um dia de vergonha para a Câmara Municipal do Recife. Os votos de 17 vereadoras e vereadores barraram a aprovação do projeto de lei nº 21/2017, que traria mais transparência à gestão pública da cidade. O PL 21, construído pela sociedade civil e proposto pelo vereador Ivan Moraes, obrigaria a Prefeitura do Recife a publicar um relatório mensal descrevendo quanto pagou a cada veículo de comunicação na compra de espaços publicitários. Uma informação que está na planilha de algum funcionário do município ou das agências de publicidade licitadas, mas não é divulgado pela Prefeitura. Além disso, o projeto ainda previa que, em cada anúncio, o valor pago pela sua elaboração e veiculação seria informado – como é feito nas placas existentes em obras públicas. 

>>> "Dizem que as instituições estão funcionando bem eu discordo. A Receita Federal é uma zona. Ela é muito boa para cobrar imposto de assalariados. Mas não consegue ver junto com o Banco Central uma pequena movimentação de R$ 58.000.000,00. Isso só para exemplificar. Algum Economist consegue explicar isso. Os que perguntei até hoje ficam enrolando e não conseguem responder, muito menos alguns amigos ficais da receita." Augusto Saboia

>>> Casa Amarela está com enquete pra saber as principais necessidades urbanas compatíveis com a HORTA para pautar projetos do bairro. Moradores da região e adjacências que quiserem ajudar segue o link do questionário.


11 anos de saudade


Em 14 de setembro de 2006, deixava este mundo o comunicador Paulo Marques Pessoa. A falta desta grande personalidade chegou aos 11 anos de saudade. Sua história na área se confunde com a política. Foi vereador (1974 a 1983) em sua cidade natal, Carpina. Além de deputado estadual (1983 a 1987) e federal (1987 a 1991). 


Fundou o jornal Folha de Pernambuco e passou nas rádios Clube e Estação Sat. Na TV, comandou o programa Pernambuco Urgente, na extinta TV Guararapes, e o Programa Paulo Marques, no Canal 14 (NET Recife).

Nasceu em 29 de junho de 1948. Sofreu com um câncer no cérebro. Paulo chegou até a gravar um disco compacto com duas músicas. Seu irmão Hildebrando enveredou para a comunicação. "Em vida Paulo foi uma grande figura estimadíssima por todos que tiveram a oportunidade de conhece-lo. Paulinho foi o irmão mais próximo a mim. Éramos parceiros verdadeiramente. Fomos confidentes em todos os nossos momentos de tristezas e de alegrias."

No facebook, vários internautas declararam sua atenção à Paulo:

Artaxesxes Costa:  "Tive o prazer de conhecer. paulo marques. esteve aqui em carpina no ano de 1998 no então lançamento da primeira revista da mata norte CARPINA HOJE. Ele também me deu um apoio nesse projeto da minha revista. Muito obrigado."


Marcelo Santos: "Foi uma perda lastimável. Paulo Marques era um grande comunicador, publicitário e fez carreira política, chegando a Deputado Federal. Era amigo dos amigos e muito querido por todos. Fica a saudade de um amigo e um admirador do seu trabalho."


Constantino Lagoa: "Escutava muito e cantava também algumas músicas gravadas por ele."

Maria Amália Guerra Barretto: "Paulinho, colega querido da Folha de Pernambuco, amigo querido de meu pai, Antônio Guerra Barretto."

Com informações do Wikipedia

Contra o preconceito

No Alto José do Pinho, onde o cenário cultural pulsa forte, os estudantes da Escola Dona Maria Teresa Corrêa participam do projeto Negritude, fala mais Alto!, que visa diminuir a desigualdade racial através de ações e da reativação da Rádio Comunitária Alto falante dentro do ambiente escolar. O projeto foi um dos vencedores do Edital Gestão Escolar para Equidade – Juventude Negra, promovido pelo Baobá – Fundo para Equidade Racial, Instituto Unibanco e Universidade Federal de São Carlos (UFSCar).

O objetivo do projeto é capacitar os estudantes para veicular o programa “Negritude, Fala Mais Alto!” na rádio comunitária. A ideia é incentivar o protagonismo dos estudantes, docentes e gestores com ações criativas de intervenção para construir relações mais humanas e cidadãs, promovendo a equidade, o diálogo e a tolerância no ambiente escolar. Através da Gerência de Políticas Educacionais de Educação Inclusiva, Direitos Humanos e Cidadania (GEIDH), a Secretaria de Educação do Estado (SEE) está realizando formações com os professores para que eles passem a abordar a temática em suas disciplinas, estimulando a criação de conteúdos e promovendo o debate em sala de aula.

O estúdio de rádio tem previsão de ficar pronto até o início do mês de outubro, quando os estudantes irão passar para fase prática do projeto. Até o final deste mês, eles estão sendo acompanhados por dois oficineiros, Adson Alves e Tarcísio Camelo, que já têm certo histórico com rádio comunitária e produções culturais.

O projeto está em ação com uma turma inicial formada por 12 estudantes e dois formadores. As aulas acontecem às segundas, quartas e sextas, no período da manhã. Após cerca de três meses, os jovens que participam hoje das oficinas serão multiplicadores e irão fazer com que o projeto passe a andar com suas próprias pernas. “Abordamos práticas de radiojornalismo, criação de conteúdo de áudios e o uso da internet como ferramenta de divulgação dos trabalhos produzidos”, conta Tarcísio.

A partir do tema central do projeto, os oficineiros abordam a temática através de várias perspectivas e apresentam diferentes meios de produção para os estudantes. ”Uma das maiores dificuldades que sentimos com os jovens é o reconhecimento da própria etnia. Não temos a cultura de nos identificarmos como negros e isto não é algo exclusivo do Alto José do Pinho, vai muito além. A inserção da internet também tem este motivo: atingirmos outros universos através dos podcasts”, comenta Adson.

do Governo de PE 

Rendidos às redes

Em tempos onde tudo pode ser acessado pela internet, os órgãos prestadores de serviços e os poderes executivos municipais e do estado recorrem aos perfis nas redes sociais para interagir com a população. O atendimento e as informações são bem facilitados.

A Celpe – Companhia energética de PE, tem 38.112 curtidas. Suas postagens, são na maioria, informes de utilidade pública sobre cuidados com a energia. Mesmo assim, existem aqueles internautas que aproveitam o espaço para compartilhar as postagens, comentar e solicitar serviços. Como é o caso da Luciana Nascimento, que postou: “Muito melhor do que ir nas agências ser atendido por funcionários mau humorados.”

Na página do Governo de Pernambuco, com 236.205 curtidas, não é diferente. As ações das secretarias e serviços são amplamente divulgados. Até lives com agentes públicos acontecem. Os comentários são variados. Marcelo Wallamys, questionou: “E o que já está sendo feito para combater o grande número de assaltos a ônibus? Gostaria de poder saber.” E a resposta foi: “A Polícia Militar informa que vem atuando contra os assaltos a coletivos através da Operação Transporte Seguro, que atua na capital e Região Metropolitana do Recife, com foco em abordagens a coletivos...” Na esfera municipal, várias prefeituras possuem perfis para divulgar o que acontece. Recife tem 210.613 curtidas e os vários tipos de reações. 

Na fanpage da compesa, o assunto água gera várias reclamações e demandas como a do internauta Natanael Thurath Gomes, denunciando a falta de serviço em Tabatinga Camaragibe. “vai completar 30 dias sem um pingo dágua.” Outra campeã de insatisfação é a página do Consórcio de Transportes Grande Recife. Das 536 avaliações, 398 são negativas. O comentário feito por Antonio Gomes é uma das provas: “Absurdo a forma como o Grande Recife administra os ônibus nos terminais. Não renovaram os organizadores das filas e nem aumenta a frota dos ônibus, principalmente o Barro-BR 101 Expresso e o Av. Norte. É uma loucura diária para pegarmos estes ônibus.” 

Uma coisa é certa: Viva a força da internet, tornando-se uma grande aliada no exercício da cidadania. Elogios, críticas e sugestões são importantes para a melhoria da qualidade dos serviços oferecidos ao publico.

Rádios em questão




A noite do sábado (2) foi marcada pelo encontro "Rádio Comunitária: O que a sua toca?" promovido pelo feecidadaniape na Sociedade beneficente de Casa amarela. Os comunicadores Paulo Xavier, Natanael Gomes, Everaldo Lira e Gilson Galvão comentam a atuação das emissoras comunitárias e a sua identidade. Assuntos como pirataria, burocracias, apoio e participação entraram nas pautas.

O evento foi transmitido ao vivo pela #TVFEnoar através do YouTube. Veja tudo no vídeo acima.

TVFE - O CANAL DA CIDADANIA

#MAIS DA TVFE